Xuxa Meneghel e os finalistas do The Four Brasil
Xuxa Meneghel e os finalistas do The Four Brasil (Divulgação/ Record TV)

A Record TV iniciou 2019 realizando uma série de lançamentos em sua grade de programação. Somente nos últimos quatro meses do ano, sete atrações foram estreadas, alavancado o desempenho do canal nas audiências do Painel Nacional de Televisão (PNT).

A primeira estreia, em janeiro, foi com a inédita série Terrores Urbanos. Em fevereiro, mais dois novos formatos entram na grade: o The Four Brasil com Xuxa Meneghel e Troca de Esposas sob o comando de Ticiane Pinheiro. Em março, foi a vez da estreia do novo SP no Ar com apresentado de André Azeredo e Salcy Lima.

Em abril, outro grande formato inédito no Brasil chegou a tela da Record: o Top Chef, que lançou Felipe Bronze como apresentador na TV aberta ao lado de grandes nomes da culinária: o chef Emanuelle Bassoleil e a crítica de gastronomia Ailin Aleixo.

Além disso, na terça-feira (23), a macrossérie Jezabel passou a substituir a novela Jesus. Escrita por Cristianne Friedman com direção de Alexandre Avancini, a trama bíblica é a primeira produzida pela Formata, com cenas gravadas no Marrocos e nos estúdios de Paulínia, no interior de São Paulo.

Já na noite de hoje (30), a Record lança o Power Couple Brasil 4, sob comando de Gugu Liberato. Esse enorme pacote de novidades transformou o primeiro trimestre de 2019 como o melhor dos últimos dez anos da história da emissora, que consolidou vice-liderança isolada no PNT.

Segundo a Kantar Ibope, o desempenho foi superior ao ibope da TV paga. Vale destacar ainda que a novela Topíssima será a grande novidade do canal no mês de maio. A trama é escrita por Cristianne Friedman com direção de Rudy Lagerman, o Foguinho. Já em julho, tem a transmissão exclusiva dos Jogos Panamericanos de 2019, em Lima, no Peru.

Crescimento do Hoje em Dia e do Hora da Venenosa

Fechou o mês de março em primeiro lugar nas audiências de Goiânia, Salvador e Manaus. Em Goiânia, o programa, comandado por Cesar Filho, Ana Hickmann, Renata Alves e Ticiane Pinheiro, registrou média de 6,2 pontos, contra 3,4 da emissora carioca — terceira colocada na preferência dos telespectadores. No mesmo período, a segunda colocada ficou com 5,7 pontos.

Já na capital baiana, o matinal marcou média de 7,8 pontos contra 5,9 da terceira no ranking. O programa também conquistou audiência 25% superior à registrada no mesmo período de 2018.

No Mercado Nacional, a atração conquistou a vice-liderança com 5,5 pontos e share de 16,8%.  Com este resultado, o programa atingiu uma cobertura de 25 milhões e 222 mil telespectadores. A última vez que o Hoje em Dia alcançou essa marca foi em 2010.

Na Grande São Paulo, se compararmos o mesmo mês do ano anterior, o crescimento foi de 31% — consolidando o segundo lugar isolado com 5,9 pontos de média com 16,8% de share. 

O melhor resultado desde agosto de 2010. A média noite (das 18h à meia-noite) marca o melhor trimestre desde 2009 na vice-liderança isolada com 9,3 pontos de média e 16,1% de share no PNT.

Parte do Balanço Geral, o quadro Hora da Venenosa é líder isolado de audiência no trimestre nas praças São Paulo (10,8 contra 9,9), Belo Horizonte (11,3 contra 9,3) e Goiânia (10,7 contra 8,4).

Desempenho da Record TV

  • Na média 24 horas a Record TV mantém a vice-liderança isolada no trimestre com 5,6 pontos de média contra 5,5 da terceira colocada no PNT;
  • A Record TV também teve o melhor trimestre no horário da tarde (das 12h às 18h) da história com 7,7 pontos de média e 17% de share e a vice-liderança isolada no PNT;
  • O principal telejornal noturno da emissora concorrente perdeu para Record TV em Salvador 36 vezes em 2019;